Los Angeles aposta no futebol

Magic Johnson, Mia Hamm e Nomar Garciaparra se unem a um grupo de investidores
Querem construir uma nova equipe de ‘soccer’ e um estádio de 250 milhões de dólares

Um grupo de investidores do sul da Califórnia, incluindo os ex-atletas Earvin Magic Johnson, Mia Hamm e Nomar Garciaparra, deu nesta segunda-feira um passo definitivo na sua aposta em desenvolver o soccer nos Estados Unidos, ao apresentar um projeto para a construção de um estádio de futebol de 250 milhões de dólares no centro de Los Angeles. O estádio, completamente privado, será a sede do ainda inexistente Los Angeles Football Club, uma equipe anunciada em outubro de 2014, sob o comando de um poderoso grupo de investidores locais. A equipe deve disputar a Major League Soccer (MLS, liga de futebol dos EUA) a partir de 2018.

Recriação do futuro estádio de futebol de Los Angeles.Recriação do futuro estádio de futebol de Los Angeles. LAFC

A iniciativa revela confiança dos investidores no crescimento desse esporte nos Estados Unidos, onde ele tradicionalmente é minoritário. “Lembro-me de assistir, quando era pequena, à Copa de 1986, e a única partida que pude ver em inglês foi a final. No ano passado, por outro lado, tinha os jogos da Copa em inglês em cinco ou seis canais”, comentou ao EL PAÍS a ex-jogadora Mia Hamm, a mulher que mais tem feito pela popularização desse esporte nos EUA. Como atacante da seleção norte-americana, Hamm foi bicampeã mundial e bicampeã olímpica de futebol feminino. “Finalmente entramos neste país”, comemorou. “Esse esporte explodiu neste país, e agora estamos investindo nisso aqui em Los Angeles.” Hamm é parte do projeto do LAFC junto com seu marido, Nomar Garciaparra, ex-jogador de beisebol dos Red Sox e dos Dodgers, enormemente popular entre a comunidade latina do sul de Los Angeles.

Sou um vencedor. Vamos colocar dinheiro e vamos fazer uma equipe vencedora
EARVIN MAGIC JOHNSON
O estádio terá uma capacidade para 22.000 espectadores e um centro comercial anexo, com restaurantes, escritórios e um museu do futebol mundial, que servirá como chamariz turístico. Os investidores contam com o apoio da prefeitura para construir ao lado do estádio olímpico da cidade, o Los Angeles Coliseum, num terreno pertencente à Universidade do Sul de Califórnia (USC). O estádio será erguido no local do atual ginásio Sports Arena, onde Magic Johnson jogou muitas vezes com os Lakers contra os Clippers, como recordou o ex-atleta do basquete a jornalistas. “Tínhamos de nos separar do Galaxy [atual equipe de futebol de Los Angeles], não podíamos jogar no mesmo lugar, porque isso faria os torcedores se sentirem de segunda classe”, explicou. O projeto entra agora na fase administrativa municipal e estadual, e o plano é que a pedra fundamental seja colocada em 10 meses.

Os investidores Earvin ‘Magic’ Johnson, Henry Nguyen e Peter Guber, depois de anunciar a construção de um estádio de futebol em Los Angeles, na segunda-feira.Os Investidores Earvin ‘Magic’ Johnson, Henry Nguyen e Peter Guber, depois de anunciar a construção de um estádio de futebol em Los Angeles, na segunda-feira.

O projeto do Los Angeles Football Clube (LAFC) começou há uma década e foi oficialmente apresentado no ano passado. Seus idealizadores incluem o investidor de origem vietnamita Henry Nguyen, o presidente da produtora Mandalay Entertainment, Peter Guber, e o escritor Tony Robbins, especialista em motivação profissional, além de outros importantes empresários da cidade e de três grandes estrelas do esporte local. O presidente do clube é Tom Penn, ex-executivo da NBA e atualmente ligado à ESPN.19

Tanto o nome como as cores (preto, vermelho e branco) que o projeto exibe atualmente são provisórios, uma espécie de título de trabalho enquanto se terminam os estudos para encontrar o nome definitivo. “Em Hollywood os títulos de trabalho tendem a permanecer”, observou Nguyen. O time ainda não tem nenhum jogador, mas na apresentação um grupo de fãs do futuro projeto apresentou-se com as cores provisórias. Magic Johnson preferiu não citar nomes de sua lista de contratações (os jornalistas especializados dão como certo que Javier Chicharito está entre os cotados), mas disse que sua aposta é tão séria quanto a que o fez investir nos Dodgers do beisebol. “Sou um vencedor. Vamos pôr dinheiro e vamos criar um time vencedor.”

Nguyen afirmou que, sem ter um modelo único, propõe-se a “aprender com os melhores do mundo, como o Manchester United ou o Barcelona”. “São clubes que têm 100 anos de vantagem em relação a nós”, reconheceu o empresário vietnamita. “A primeira coisa é encontrar uma casa. Antes de ter isso, não é possível definir uma identidade”, disse Nguyen numa conversa com jornalistas.

“Boa parte da identidade desses times está no estádio. Queremos ser o que são o Old Trafford ou o Camp Nou”, no sentido de que a mística desses lugares invoca os fantasmas e intimida os rivais nas grandes partidas. Nguyen diz ter visitado os estádios mais clássicos para definir seu projeto.

O enorme investimento e o perfil dos empreendedores que estão por trás do LACF revela uma certeza de que o futebol vai se tornar em pouco tempo um grande negócio nos Estados Unidos. “Essa liga vai para frente. É o esporte mundial. É um mercado muito grande. Vamos encurtar a distância em relação às grandes competições como a Liga dos Campeões, a Bundes ou a Premier”, disse Nguyen. “Para quem era um garoto de 7 ou 8 anos quando começou a MLS (1994), a liga sempre existiu. Hoje, o garoto é um adulto com poder de compra. Essa foi a grande mudança.”

Los Angeles já conta com o time de futebol mais premiado da liga norte-americana, o Los Angeles Galaxy. Campeão da última temporada, o Galaxy foi a casa de Landon Donovan, a maior estrela norte-americana da história desse esporte, e é destino de grandes estrelas europeias que procuram alongar suas carreiras, como David Beckham ou Robbie Keane. Nesta semana, foi confirmada a convocação de Steven Gerrard depois de aposentar-se do Liverpool. Nguyen disse ao EL PAÍS que prevê para daqui a dois anos um verdadeiro clássico em Los Angeles entre os dois times da cidade.

A tentativa anterior de criar um time alternativo em Los Angeles foi uma franquia dos Chivas de Guadalajara. Calcula-se que na área metropolitana da cidade californiana vivam dois milhões de nativos do estado de Jalisco, no México. Mesmo assim, o projeto dos Chivas fracassou. O time foi afastado da liga e extinto no ano passado. Os Chivas estavam inteiramente identificados com a comunidade mexicana de Los Angeles, algo que os investidores do LAFC querem evitar, porque limita a adesão de torcedores.

Leia Também
Vídeos

O time de Orlando perdeu de 3×1 para o Miami FC em sua partida de estréia na US Open Cup 2017, com três gols do brasileiro Stefano Pinho, que pela priemeira vez em sua carreira como jogador profissional, consegue fazer um Hat-trick.

Curta nossa página do FACEBOOK
Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE

Na primeira participação na US Open Cup, o Orlando City perdeu para o Miami FC pelo placar de 3×1 no estádio do Orlando. O time do Kaká jogou praticamente com a equipe reserva, poupando grande parte dos titulares para uma importante partida da MLS no final de semana.

O grande destaque da partida, foi o brasileiro Stefano Pinho que marcou os três gols do clube de Miami e “pode pedir música no Fantástico” garantiu a vitória do Miami FC.

Stefano Pinho está no Estados Unidos desde 2015, tendo jogado anteriormente no Fort Lauderdale Strykers e no Minnesota United. Em 2014 jogou por empréstimo no futebol Finlandês, atuando uma temporada pelo MyPa.  Essa essa primeira temporada no Miami FC, os três gols marcados nessa partida, provavelmente deixarão o atacante em uma situação bem confortável dentro do clube.

Apresentação: Ralf Furtado
Câmera: Bruno Furtado

 

Os Trailers mais modernos disponíveis no mercado americano, essas incríveis máquinas, recheadas de tecnologia, utilizadas pelos americanos para fazerem suas longas viagens pela América. Todos equipadíssimos, prontos para enfrentar as estradas

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!

Apresentação – Ralf Furtado
Câmera – Jorge Lameiras

Durante o show do cantor Daniel na Fun Fest da Florida Cup 2017, falamos com ex zagueiro do Corinthians e do Flamengo, Fabio Luciano sobre sua participação no jogo das Estrelas, que irá reunir grandes astros do futebol e artistas brasileiros.

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!


 

Apresentação – Ralf Furtado
Câmera – Jorge Lameiras

 

Canal EUA Sports fala com o CEO do Orlando City Alexandre Leitão sobre o crescimento do mercado de futebol dos Estados Unidos. As projeções do clube para o ano de 2016 e as possibilidades do mercado americano em relação ao futebol brasileiro

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!


Apresentação: Ralf Furtado
Câmera: Jorge Lameiras

Voltar