Futebol começa a ganhar preferência entre esportes para crianças nos EUA

Pesquisa aponta que o futebol como conhecemos supera em 6 vezes o futebol americano como sugestão de esporte as crianças.

Craques do mundo da bola desembarcam com cada vez mais frequência nos Estados Unidos – caso de Kaká. A seleção de futebol do país surpreendeu a todos – inclusive os próprios americanos – com a boa performance apresentada na Copa do Mundo de 2014. E a longo prazo, o panorama do esporte no país promete mudar ainda mais – para a melhor.

Pelo menos é o que sugere uma pesquisa conduzida pelo instituto YouGov, que abordou adultos de classificações de origens distintas – brancos, negros e hispânicos – com uma pergunta simples: “qual seria sua sugestão de esporte para uma criança que não pratica nenhum mas gostaria de iniciar?”.

Em termos gerais, o futebol aparece como a segunda escolha mais votada, com 24% da preferência, ficando atrás apenas do baseball/ softball, com 30%. Entre a comunidade hispânica, o soccer aparece em primeiro lugar como sugestão preferida dos adultos às crianças, com 30%. O basquete também aparece bem cotado, em terceiro na preferência geral com 15%, mas fica atrás dos indecisos, 17%.

Além de demonstrar a força emergente do futebol entre os adultos americanos, a pesquisa deixa claro como esportes tradicionais do país, como o hóquei no gelo e o futebol americano, jogado com as mãos, tem perdido espaço. Considerado um esporte mais violento do que a média – fato que levou o astro da NBA Lebron James a revelar que não deixa seus filhos o praticarem -, o futebol americano seria a primeira opção de sugestão para as crianças para apenas 4% dos entrevistados, contra 1% do hóquei.

A longo prazo, com o incentivo dos pais e com o sucesso dos campeonatos no país, os Estados Unidos podem se tornar o país do futebol – e dessa vez, o jogado com os pés.

Leia Também
Vídeos

O Orlando City jogou em casa contra o Chicago Fire, time do atual do alemão Bastian Schweinsteiger, meio-campo da seleção da Alemanha campeã mundial da Copa do Mundo do Brasil de 2014. O jogo terminou 0x0 com o Orlando jogando grande parte da partida com 1 jogador a menos, devido a expulsão injusta, ainda no primeiro tempo, do zagueiro Rafael Ramos, após uma falta aos 26 min do primeiro tempo.
Falamos com a líbero da seleção brasileira do vólei, Camila Brait e com Gustavo Brasil, diretor técnico da R9 de Orlando

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!

Apresentação: Ralf Furtado
Câmera: Karina Furtado

 


Canal EUA visitou algumas das mais conceituadas lojas de carros de luxo nos Estados Unidos, para mostrar uma série de carros incríveis, com seus preços, para você curtir cada detalhe dessas máquinas maravilhosas

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!


Apresentação: Ralf Furtado
Câmera: Jorge Lameiras

Os Trailers mais modernos disponíveis no mercado americano, essas incríveis máquinas, recheadas de tecnologia, utilizadas pelos americanos para fazerem suas longas viagens pela América. Todos equipadíssimos, prontos para enfrentar as estradas

Inscreva-se em nosso Canal do YOUTUBE !!
Curta nossa página do FACEBOOK !!

Apresentação – Ralf Furtado
Câmera – Jorge Lameiras

Voltar